Nossa; Delícia! Ai se eu te pego.

Compartilhar no Facebook

Enviar por email Imprimir este artigo
 

A canção que empresta parte da sua letra para o título desse artigo e que estourou nas paradas no final do ano de 2011 e início do ano de 2012 é mais um bom motivo para falarmos de vendas e da relação dos profissionais de vendas com seus prospects e tem alguns aspectos que podem nos ajudar.

Como boa parte das ‚ÄĚgrandes sacadas‚ÄĚ, a sacada do referido refr√£o que fez da m√ļsica um grande hit √© em parte mais uma daquelas express√Ķes coloquiais do cotidiano, que s√£o empregadas em um determinado contexto - sinta-se a vontade para imaginar esse em espec√≠fico a que nos referimos ‚Äď e que certamente foram percebidas pelo compositor como uma √≥tima oportunidade. Capture uma express√£o que tenha seu appeal, aplique um tom e uma fluidez e pronto. Mais uma melodia ‚Äúchiclete‚Äú (que gruda nos ouvidos), nasce a partir desses elementos.

Trazendo esse exemplo acima para o contexto comercial, posso arriscar extrair algumas li√ß√Ķes de prospec√ß√£o e vendas do referido refr√£o. Vamos ver?


Fórmula AIDA

Muitos de n√≥s j√° conhecemos a f√≥rmula AIDA, acr√īnimo para ATEN√á√ÉO, DESEJO, INTERESSE e A√á√ÉO, com a qual muitos profissionais de vendas empregam abordagens juntos ao seu alvo. O refr√£o do Michel Tel√≥ chama a aten√ß√£o por reunir os elementos da f√≥rmula AIDA na mesma frase. Observe:

Nossa (chamar a ATENÇÃO), Delícia (gerar INTERESSE), Assim você me mata (despertar desejo), Ai se eu te pego, ai, ai se eu te pego (convite para a AÇÃO).

Por mais l√ļdico que pare√ßa, √© com certeza um belo exemplo do motivo pelo qual a m√ļsica tem esse potencial ‚Äúchiclete‚ÄĚ j√° na primeira vez que √© tocada para uma multid√£o. Na pr√≥xima vez que ouvi-la, observe a respeito.

Agora pretendo chamar-lhe mesmo a aten√ß√£o √© para outro aspecto da can√ß√£o. Conforme citei acima, ouvindo o refr√£o da m√ļsica voc√™ √© capaz de imaginar o devido contexto no qual a express√£o do hit se manifesta correto? Deixando a mal√≠cia de lado ‚Äď fa√ßa-o, por favor ‚Äď imagine se cada profissional de vendas da sua empresa, principalmente aqueles respons√°veis pelo hunting reagissem da mesma maneira ao se deparar com um prospect de alto potencial. Provavelmente uma parte de voc√™s ainda est√° no meio do caminho e talvez pensando em determinado prospect, mas deixando-se levar pelo vi√©s original do refr√£o da m√ļsica. Por favor, controle seus instintos e mantenha-se firme no paralelo com a √°rea comercial. Talvez seja dif√≠cil, mas voc√™ consegue.

Voltando a pauta, imagine como seria se esses profissionais responsáveis pelo hunting aplicassem à sua atividade de approach o mesmo appeal e sentissem por essa oportunidade de prospecção o mesmo desejo que ficam tão notórios no refrão da canção. Ainda que o paralelo seja no mínimo inusitado, o fato é que os resultados desse desejo e dessa emoção aplicada à operação de vendas poderiam resultar em um cliente inebriado e apaixonado por sua empresa.

Muita calma nessa hora. Por favor, não confunda as bolas. Observe que se trata apenas de um paralelo. Sua atividade deve continuar sendo realizada com todo o profissionalismo e seriedade que seu mercado, empresa e perfil de clientes exigem e merecem, mas o fato é que possuir profissionais de vendas responsáveis pelo hunting que possuam essa característica de se impressionarem com um cliente de alto potencial e de ficarem verdadeiramente loucos por conquistar esse cliente, faz uma grande, enorme diferença para as empresas.

Assim, voc√™ que l√≠der e dirigente de equipes de vendas, observe nos seus trabalhos em conjunto com seu time, se ao cruzar com clientes de alto potencial seus vendedores exclamam ‚Äúnossa‚ÄĚ e ficam loucos de desejo de conquistar esse cliente para sua empresa ou se os mesmos olham de soslaio, d√£o de ombros e o tratam como se apenas fosse mais um em meio √† multid√£o.

Se o primeiro caso, reconheça-o e ajude-o. Se infelizmente ele estiver mais inclinado para o segundo tipo, talvez seja a sua vez de exclamar:

‚Äúnossa; A√≠ voc√™ me mata‚ÄĚ.

Um Abraço e Excelentes Vendas


Scher Soares
Consultor de empresas e presidente do Grupo Empresarial Triunfo (Triunfo Propaganda, Triunfo Consultoria e Treinamento, Track Digital, Renco SP e MNO.
Email: scher.soares@grupotriunfo.com
Site: www.grupotriunfo.com





COMENTE ESTE ARTIGO:
Nome:
Email:

(0 / 255)
O tamanho máximo do comentário é de 255 caracteres.
Atenção!
Você irá receber um email para confirmar seu comentário para que o mesmo seja publicado nesta página, portanto o campo Email é de preenchimento obrigatório e, ao enviar, você assume a responsabilidade pelas suas palavras inseridas neste comentário.
*NOTA : o JornalRMC abre esse espaço para que nossos colunistas exponham, de forma voluntária, seus pontos de vista sobre os assuntos em que são especialistas. Dessa forma, as opiniões apresentadas são de única e exclusiva responsabilidade dos mesmos, não refletindo necessariamente a opinião do portal e de seus editores.

 
SOS Impressoras
Rádio Novo Tempo Campinas
Cadastro Nacional de Pessoas Desaparecidas

.: Acessos: 10.247.558 :. | .: desde Agosto/2007 :. | .: contato: imprensa@jornalrmc.com.br :. | .: desenvolvido por: LINDEMUTH Comunicação :.