Natal é tempo de renovação

Compartilhar no Facebook

Enviar por email Imprimir este artigo
Mariana Dorigatti
maridorigatti@gmail.com
 

Ao observar os enfeites de Natal nas lojas da cidade, damo-nos conta de que mais um ano se passou e com ele se foram as frustrações, mas ficaram as conquistas e a força de vontade para lutar pelo que ainda não foi alcançado.

Isso porque o Natal é tempo de renovação, tempo em que revivemos o carinho de nossos pais, o aconchego da família e de todas as pessoas queridas que marcaram positivamente nossas vidas.
É tempo de religiosidade, esperança, celebração, solidariedade, perdão, união e entrega de presentes. Mas, o presente maior que podemos ganhar é a satisfação de poder ter ajudado ao próximo de uma maneira ou de outra. Seja materialmente, ou com nossa atenção, carinho, respeito, conselhos, compreensão, etc.

São simples as coisas que mais importam para o ser humano e que são capazes de transformar uma vida, mudando para sempre a maneira de enxergar as mesmas coisas.

Portanto, não podemos deixar o pudor ou a falta de entusiasmo nos impedir de ajudar alguém, independente de quem seja. Isto porque, automaticamente, estaremos ajudando a nós mesmos, uma vez que o ser humano, por essência, é puro e precisa praticar a bondade para alcançar a felicidade em sua plenitude.

Vamos então fazer de nossas vidas uma extensão da noite de Natal, renascendo continuamente em amor e fraternidade, buscando aquilo que podemos oferecer de melhor para as outras pessoas e, consequentemente, para nós mesmos.

Vamos aproveitar para renovar o espírito, buscando a força para angariar mais experiências de vida, tendo contato com o próximo seja dentro de casa, na rua, no trabalho, ou em qualquer lugar, pois os laços afetivos que construímos na vida são o que levamos dela e somente isso.


Mariana Dorigatti
Bacharel em jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Produtora do videodocumentário “Opção Camelô”, que retrata a realidade em que vive o trabalhador informal de Campinas (2º colocado no II Prêmio Bosch de Talentos em Comunicação). Atua no jornalismo como repórter, assessora de imprensa, editora e colunista.
Email: maridorigatti@gmail.com


Comentários deste artigo:
VLAJ
06/12/2010 - 14:30
Essa garota vai longe!!! Gosto muito dos seus textos. Parabéns!


Mais textos deste colunista:
O vendedor de histórias
A míope
Crônica: Adelaide
Política no Brasil é tema de deboche
Primavera está chegando
Fanatismo musical
Como perder um grande amor
A síndrome de Peter Pan

COMENTE ESTE ARTIGO:
Nome:
Email:

(0 / 255)
O tamanho máximo do comentário é de 255 caracteres.
Atenção!
Você irá receber um email para confirmar seu comentário para que o mesmo seja publicado nesta página, portanto o campo Email é de preenchimento obrigatório e, ao enviar, você assume a responsabilidade pelas suas palavras inseridas neste comentário.
*NOTA : o JornalRMC abre esse espaço para que nossos colunistas exponham, de forma voluntária, seus pontos de vista sobre os assuntos em que são especialistas. Dessa forma, as opiniões apresentadas são de única e exclusiva responsabilidade dos mesmos, não refletindo necessariamente a opinião do portal e de seus editores.

 
SOS Impressoras
Rádio Novo Tempo Campinas
Cadastro Nacional de Pessoas Desaparecidas

.: Acessos: 10.399.693 :. | .: desde Agosto/2007 :. | .: contato: imprensa@jornalrmc.com.br :. | .: desenvolvido por: LINDEMUTH Comunicação :.