Os mortos e os vivos no planeta dos negócios

Compartilhar no Facebook

Enviar por email Imprimir este artigo
Maurício Góis
contato@mauriciogois.com.br
 

H√° dois tipos de pessoas hoje no planeta dos neg√≥cios. Antigamente elas eram classificadas em eficazes ou ineficazes, competentes ou incompetentes, criativas ou convencionais, proativas ou reativas, assertivas ou inseguras, triunfadoras ou perdedoras. Mas pelo tamanho dos desafios da era do caos quero dar uma classifica√ß√£o pol√™mica: vivas ou mortas. As pessoas mortas se assustam com tudo que √© novidade e com o tamanho das dificuldades. Elas dizem: - EPA, como tem polui√ß√£o no mundo! J√° as pessoas vivas dir√£o: - OBA, √© a minha chance de vender m√°scaras de g√°s de oxig√™nio. As mortas gritar√£o: - EPA, como tem AIDS no planeta! As excelentes comemorar√£o: - OBA, que oportunidade eu tenho de divulgar um novo m√©todo de reeduca√ß√£o sexual ou de vender preservativos por d√ļzias! As mortas mostrar√£o seu temor clamando: A criminalidade est√° por toda parte e s√≥ os ricos conseguem morar em condom√≠nios caros, terem carros blindados e se protegerem!

Já as vivas sorrirão: - Há uma demanda insatisfeita na concorrência, é minha chance de fabricar ou vender produtos de segurança para pessoas de pequena renda. Hoje não importa mais se você é competente ou incompetente. O que importa hoje é se você está vivo ou morto. Se está vivo você avança. Se está morto, você recua, estaciona e espera a foice do obsoletismo. Um vendedor morto dirá: - Como está difícil prospeccionar clientes. Já os vendedores vivos dirão: - Os clientes estão mudando, então, preciso mudar também minhas fórmulas de prospecção. Se o vendedor é criativo ou convencional não importa mais. O que importa é se ele está vivo com sua mente viva para aprender, desaprender e reaprender com este universo mais vivo ainda governado pelo poder do cliente.

Um gerente morto pensará: - Esta minha equipe desmotivada é uma canalhada de bolasmurchas. Já um gerente vivo falará: - Esta é minha oportunidade de experimentar uma nova campanha de marketing de incentivos para disparar a vontade de agir em minha turma.

Discutir se o gerente deve ser l√≠der ou chefe n√£o tem mais sentido. Se ele est√° vivo ir√° repensar os novos caminhos para ressuscitar as energias trancadas da motiva√ß√£o e fornecer novos m√©todos de seduzir clientes. Os vendedores externos mortos reclamam de tudo quando chegam numa cidade desconhecida, j√° os vivos pensam: - OBA, se ningu√©m me conhece aqui eu sou a novidade, a curiosidade e a chance de transformar indica√ß√Ķes em clientes e clientes em adeptos. Avaliar este vendedor como inteligente ou burro emocional j√° era. Hoje a quest√£o √©: - Ele √© vivo para superar obst√°culos ou morre-lhe o √Ęnimo diante dos problemas? Alguns empres√°rios mortos do ramo varejista lamentam: O Brasil est√° parado, h√° mais de duas horas que nenhum cliente entrou em minha loja! Os empreendedores internos vivos pensam: - Que chance eu tenho de transformar meus vendedores lojistas internos em vendedores externos, de reinventar uma nova promo√ß√£o para atrair clientes, de usar o telemarketing para oferecer novos benef√≠cios, de criar um cart√£o de desconto por compra, de dizer que os pr√≥ximos 100 clientes que nos visitarem ganhar√£o um brinde mist√©rio. Enfim, a √ļnica coisa que importa daqui para frente √© se voc√™ estar√° vivo ou morto. Pense nas empresas excelentes que sa√≠ram nas capas da revista Exame na d√©cada de oitenta. A maioria delas est√° morta. Muitas que est√£o vivas at√© hoje n√£o eram competentes naquela √©poca. Ent√£o, o importante n√£o √© ser competente, - √© permanecer vivo e avan√ßar vivo. E, por favor, n√£o adjetive dizendo ‚Äúmelhor √© ser vivo excelente do que vivo burro‚ÄĚ. N√£o h√° vivo burro, pois na era da revolu√ß√£o do conhecimento quem √© burro est√° sendo morto. Viva e avance com sabedoria que as outras pessoas vivas, chamadas hoje de clientes, lhe dar√£o o seu dinheiro que est√° no bolso delas.


Maurício Góis
Consultor filiado ao IBCO ‚Äď Instituto Brasileiro de Consultores de Organiza√ß√£o desde 1983.
Ficou conhecido nacionalmente como autor da obra ‚ÄúChefia e Lideran√ßa‚ÄĚ da IOB-INFORMA√á√ēES OBJETIVAS, um best seller na √°rea por quase uma d√©cada.

Email: contato@mauriciogois.com.br
Site: www.mauriciogois.com.br




Mais textos deste colunista:
Minhas 15 "profecias" sobre globalização e outros bichos
Tomada de Decis√£o: 101 perguntas que resolvem qualquer problema
Os órfãos da auto-ajuda
Os h√°bitos inteligentes que constroem um vencedor
Os melhores exercícios de dicção para você ter um melhor desempenho profissional
Os nocautes da pessoa eficaz
Os Onze Mitos sobre o Planejamento do Tempo dos Líderes
Os quatro gritos do cliente silencioso
Os Seis Lados da Verdade
Os Vinte Bandidos da Venda
Para que você existe?
Pare de engolir sapos... e venda
Parem de falar mal da AIDA
Porque Pelé seria um bom vendedor
Senso de Humor em Vendas
Sete maneiras de comprometer sua equipe
Tese, Antitese e Síntese
Tornar-se Mais Inovador
Você está vivo? Então você é cliente de funerária!
Abaixo a √Āguia, Viva a Galinha
O Marketing dos Medíocres
Como abrir clientes fechados
O trabalho, o futebol e a motivação
O Titanic das Vendas
O Telemarketing do Conde Dr√°cula
Copa 1998: O que realmente aconteceu no jogo Brasil e França
O que é dar descontos na Era da Descontomania
O que é comprometimento?
O que ainda n√£o lhe contaram sobre atendimento
Marketing para Pessoas Empreendedoras
As três piores frases do mundo (para os que querem vencer)

COMENTE ESTE ARTIGO:
Nome:
Email:

(0 / 255)
O tamanho máximo do comentário é de 255 caracteres.
Atenção!
Você irá receber um email para confirmar seu comentário para que o mesmo seja publicado nesta página, portanto o campo Email é de preenchimento obrigatório e, ao enviar, você assume a responsabilidade pelas suas palavras inseridas neste comentário.
*NOTA : o JornalRMC abre esse espaço para que nossos colunistas exponham, de forma voluntária, seus pontos de vista sobre os assuntos em que são especialistas. Dessa forma, as opiniões apresentadas são de única e exclusiva responsabilidade dos mesmos, não refletindo necessariamente a opinião do portal e de seus editores.

 
SOS Impressoras
Rádio Novo Tempo Campinas
Cadastro Nacional de Pessoas Desaparecidas

.: Acessos: 7.065.321 :. | .: desde Agosto/2007 :. | .: contato: imprensa@jornalrmc.com.br :. | .: desenvolvido por: LINDEMUTH Comunicação :.