Com 58% dos cargos de liderança ocupados por mulheres, construtora de Paulínia destoa de cenário nacional

No Brasil, mulheres ocupam apenas 37,4% dos cargos de chefia

As mulheres ocupam 37,4% dos cargos de liderança no país, conforme pesquisa recente divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Pesquisa e Estatística). O índice é inferior ao registrado no levantamento anterior, quando elas ocupavam 39,1% dos cargos de gerência.

Na contramão deste cenário desigual, exemplos como o da Gencons Empreendimentos, localizada em Paulínia e com forte atuação na RMC (Região Metropolitana de Campinas), sinalizam para uma nova perspectiva. Na construtora, 58% dos cargos de liderança são ocupados por mulheres. A presença feminina nos cargos de chefia está presente, inclusive, nos canteiros de obras.

Um exemplo é a engenheira Sabhata Tenório, responsável pelo Departamento de Engenharia da Gencons. “A minha maior inspiração foi meu pai, que é engenheiro. Cresci no meio dos projetos, canetas de nanquim e pranchetas. Desde a infância eu já idealizava projetos, adorava desenhar casas e fazer maquetes”, lembra. Quando chegou o momento de escolher a faculdade, Sabhata não teve dúvidas: optou pela Engenharia.  

Para Sabhata, o maior desafio de uma mulher à frente de uma obra é vencer o preconceito. “Mas apesar desta barreira, construí minha carreira com muita humildade. Minhas relações sempre foram pautadas no respeito às pessoas independentemente da sua função ou cargo, e acredito que assim, conquistei o respeito de todos”, diz.
“Embora existam muitos obstáculos e frustrações, buscar o autocontrole e a serenidade são fundamentais. Eu acredito que somos aquilo que desejamos ser”, completa.

Elaine Fancio, responsável pelo Departamento de RH da construtora, conta participação das mulheres nos cargos de chefia vem aumentando a cada ano.  “A construção civil sempre foi um segmento tradicionalmente ocupado por homens, mas as mulheres vêm conquistando cada vez mais espaço, inclusive nos postos de liderança. Percebo o movimento crescente das mulheres em desbravarem territórios antes explorados, predominantemente, pelos homens. Elas têm capacidade, habilidade, preparo e são atentas a certos detalhes que fazem a diferença”, pontua.

Dos 12 cargos de lideranças da Gencons Empreendimentos, 7 são ocupados por mulheres e cinco por homens. E elas estão em todas as áreas, da Engenharia ao Recursos Humanos, no canteiro de obras e no escritório.

Sobre a Gencons

A Gencons Empreendimentos, que nesse mês de março completa 19 anos no mercado, possui sua sede em Paulínia e é referência na concepção e venda de loteamentos abertos e fechados, condomínios verticais e horizontais na região.  Atua como construtora, incorporadora e financiadora de seus produtos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.