Alfaiate, profissão em vias de extinção

Com o avanço da tecnologia e a Revolução da Indústria chinesa, o alfaiate se tornou “démodé”, ou seja, fora de moda e uma profissão que está em vias de extinção. Poucos são aqueles que ainda insistem em manter a tradição nos dias de hoje, e como diz no popular, entre trancos e barrancos, o alfaiate insiste em sobreviver com a sua velha máquina de costura, em meio aos cortes de brim, linho, casimira, etc.

Muitos se esquecem de que o alfaiate é um profissional de grande importância para o movimento da moda, principalmente para quem gosta de peças exclusivas e com caimento perfeito.

Num passado não muito distante, os homens tinham um cuidado todo especial com a aparência e admiravam um terno perfeito, feito sob medida e com excelência no acabamento. Antigamente, um homem bem vestido era questão de status, requinte e elegância.

Mas com o avanço tecnológico, as indústrias, principalmente as chinesas,  começaram a fabricaram roupas em grande quantidade, variedades e preços mais acessíveis. Só que pecam na qualidade, no caimento perfeito, no acabamento e principalmente para quem gosta de peças exclusivas.

Nos dias de hoje são poucos os profissionais da moda que se mantem na ativa em Campinas. Eu, por exemplo, conheço poucos.

Mas quando o assunto é roupa sob medida e cuidadosamente feita por quem entende da matéria, eu só conheço um profissional que veste nove entre as dez pessoas mais exigentes de Campinas e fora dela.

 Seu nome é Geraldo Barbosa, mineiro de Muzambinho e campineiro por adoção desde 1962. Geraldo é formado na Escola Paulista de Artes e Estilismo e ao longo do tempo vem aprimorando sua técnica na Alta Costura, com cursos de “Corte e Costura” no Brasil, Milão e Florence na Itália. Geraldo possui uma técnica moderna de montagem de roupas, sempre aprimorando seus conhecimentos sobre moda e estilismo dos grandes centros da moda, Itália e Japão.

Em seu Ateliê, Geraldo mantém o estilo clássico da alfaiataria, com grande variedade de tecidos nacionais e importados, moldes e modelos exclusivos, além de vários acessórios que completam o visual do homem moderno, tais como: camisas, gravatas, cintos, meias, cuecas, lenços, abotoaduras, entre outros. 

Para quem quer uma roupa de qualidade e sob medida, só tem um endereço em Campinas:  GERALDO ALTA COSTURA – Av. Júlio de Mesquita, 202 – Cambuí – fone: (19) 3252- 4400. Este eu conheço e recomendo !!!

Geraldo Barbosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *