Maternidade do Hospital Municipal de Nova Odessa ganha novas incubadoras adquiridas pela Prefeitura

Secretaria de Saúde da Prefeitura usa saldos “recuperados” de emendas e investe em equipamentos e móveis hospitalares

Por Diretoria de Comunicação da Prefeitura de Nova Odessa/SP

O parque tecnológico do HMNO (Hospital e Maternidade Municipal de Nova Odessa Doutor Acílio Carreon Garcia) acaba de ganhar reforços dos mais importantes: duas novas incubadoras acabam de ser adquiridas pela Secretaria de Saúde da Prefeitura e já estão à disposição da equipe da Maternidade. Tratam-se de um modelo do tipo “incubadora estacionária” e outro de transporte de recém-nascidos.

Segundo a equipe técnica da pasta, os novos equipamentos são parte de um “pacote” mais amplo de aparelhos e móveis hospitalares que vem sendo adquirido desde o ano passado. A incubadora estacionária custou R$ 41.900,00, e a incubadora de transporte, R$ 32.690,00. Estas aquisições foram possíveis graças a um trabalho de recuperação de “sobras” não utilizadas de transferências voluntárias (emendas), cujos recursos, de outra forma, teriam de ser “devolvidos” ao Ministério da Saúde.

“Graças a um trabalho muito sério e eficiente da equipe da Secretaria da Saúde, através do setor de Planejamento e FMS (Fundo Municipal de Saúde) foi possível utilizar verbas remanescentes de emendas recuperadas para a aquisição de equipamentos e móveis para vários setores da Saúde”, explicou o secretário Silvio Corsini.

Segundo ele, foi feito um “trabalho minucioso” para o resgate e utilização destas verbas, referentes a algumas emendas “paradas” e outras não totalmente utilizadas. Para isso, foi montado um plano de trabalho e o primeiro passo foi identificar o que foi comprado e o que não tinha sido comprado ainda, mas que estava contemplado pelas transferências.

“O que foi deixado de comprar tinha que ser tratado como prioridade. Na sequência, conversamos com os responsáveis pelos diversos setores da Saúde Municipal para os quais as emendas eram destinadas, para identificar as necessidades restantes – isso para um primeiro grupo de valores remanescentes”, acrescentou Silvio.

USA OU DEVOLVE?

Num segundo grupo de emendas antigas, foram “retrabalhados” e recuperados também saldos remanescentes de convênios para obras e construções. “Foram aproximadamente R$ 600 mil de emendas e mais R$ 500 mil de verbas de obras, ou seja, pouco mais de R$ 1 milhão que recuperamos nesta gestão para investir na nossa Rede Municipal – dinheiro que teria de ser ‘devolvido’ ao Ministério da Saúde se este trabalho não tivesse sido feito”, ressaltou a secretária-adjunta Sheila Moraes.

Segundo a pasta, a atual gestão municipal “priorizou então em investir em móveis e equipamentos, de acordo com as atuais necessidades”. “A última conquista através deste trabalho técnico foi a aquisição destas incubadoras, que acabaram de chegar. Usamos verbas de emendas parlamentares com saldos remanescentes, que voltariam ao Ministério da Saúde, mas que foram recuperadas a tempo para investimentos na Saúde de Nova Odessa”, explicou a responsável pelo setor, Ana Paula Alvarenga.

“Parabenizamos nossos servidores pelo empenho nessa questão. Foi tudo muito bem organizado, com processos abertos para tudo. Além dessas incubadoras, já chegaram muitas outras coisas”, acrescentou Sheila Moraes.

OUTROS ITENS

Muitos outros itens foram adquiridos nos últimos 14 meses através desta “recuperação” de “sobras” de emendas. Entre eles, estão um eletrocardiógrafo, desfibriladores, monitores multiparâmetro, poltronas de medicação, berço em cuba, centrífuga de roupas, carrinho de anestesia, mesa cirúrgica, berços aquecidos, cama motorizada para parto, aparelhos de fisioterapia, cadeiras odontológicas completa (desde o compressor), geladeiras de vacinas, ar-condicionado, ventiladores, televisores, micro-ondas, baldes a pedal, cadeiras para consultórios e para pacientes.

“E ainda tem novas poltronas para chegar. Conseguimos cumprir nosso planejado, os saldos das emendas remanescentes estão ‘zerados’, conseguimos muitos equipamentos e móveis novos. Estamos satisfeitos com o resultado, é realmente uma alegria”, finalizou Ana Paula.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.