”Tive um gol olímpico anulado porque o goleiro afirmou que estava amarrando a chuteira na hora da batida”, revela Petkovic

Durante sua participação no podcast “Flow Sport Club” nesta semana, o ex-jogador sérvio Dejan Petkovic fez uma revelação um tanto quanto curiosa sobre sua carreira.

Como jogador profissional o “gringo” teve passagens marcantes por três grandes clubes do Rio de Janeiro (Flamengo, Fluminense e Vasco) e também pelo Real Madrid, da Espanha, além de uma passagem pelo futebol chinês.

Uma das marcas do craque era a bola parada. Pet é autor de gols de falta inesquecíveis, mas também de gols olímpicos. E foi justamente ao falar sobre seus gols de batidas de escanteio que o sérvio surpreendeu com uma história.

Pet relatava que marcou oito gols olímpicos durante a carreira, sete deles no Brasil, quando mencionou uma fato curioso ocorrido enquanto jogava na Ásia.

“Fiz um gol olímpico na China que foi anulado. Já estávamos no centro do campo para reiniciar a partida quando o árbitro pediu para que eu batesse o escanteio novamente. Quando questionei, ele me relatou que tinha sido um pedido do goleiro adversário, que alegou que não estava pronto na hora da batida porque estava amarrando a chuteira e eu bati muito rápido”, divertiu.

Após a aposentadoria, Pet esteve como comentarista do grupo Globo. E, depois de quatro anos – em comum acordo -, ele deve deixar a emissora em agosto para se dedicar a projetos pessoais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.